Classificação Fiscal (TIPI)

Topo  Anterior  Próximo

Os conteúdos dos campos fiscais, como Código de Tributação, CFOP, CST, CSOSN e outros, é variável conforme o regime da empresa, a operação fiscal e outros dados. Portanto, se você não sabe ou desconhece a informação a ser cadastrada, consulte o departamento fiscal de seu escritório de contabilidade. Eles têm conhecimento de causa em questões fiscais e estarão aptos a indicar as informações corretas. O fato de o sistema aceitar determinados conteúdos não significa que eles estão corretos para cada situação.

 

Classificação Fiscal : essa tabela administra as classificações fiscais que são associadas aos seus produtos.  A classificação fiscal, ou NCM, é obrigatória para quem emite Notas Fiscais. No sistema, ao cadastrar produtos, você pode usar tanto o campo NBM/NCM quanto a Classificação Fiscal. Caso o produto possua IPI ou regra de faturamento que altere o CFOP ou o ST, ou implique em colocação de mensagens no campo de dados adicionais da NF, você deve deixar em branco o campo NCM e criar um registro aqui nas Class.Fiscais que vão definir essas mudanças.

 

Clicando em novo criamos uma nova Classificação Fiscal

Clicando em Altera Alteramos uma Classificação Fiscal já existente

Clicando em Relatórios você terá uma lista de todas as suas Classificações cadastradas.

Novo:

Class.Fiscal :  NCM com 8 Dígitos. No caso de Serviços, digite o código do serviço nesse campo.

Nome:  A definição do NCM, a que tipos, ou classe, de produtos ele se refere.

CST-IPI: O código da situação tributária, relativa ao IPI, da classe de produtos a que se refere o NCM.

Cód.EX: O código EX-TIPI dessa classe de produtos

Alíquota de IPI : Digite a alíquota de IPI do produto, quando o produto for vendido por alíquota

Valor IPI               (o mais comum) ou o valor do IPI, em R$, por Unidade Vendida

No caso de você precisar alterar o CFOP ou ST ou colocar mensagem na NF em função do NCM utilizado, utilize os campos abaixo:

 

Exitem quatro conjuntos de dados para esses campos acima:

Faturamento Normal: quando os produtos que tem essa Clas.Fiscal associados são faturados para clientes em que não incidirá redução de base, nem cálculo de substituição tributária. É a forma mais simples e comum.

Faturamento com Redução de Base: quando os produtos serão faturados para clientes que tem direito à reduções de base. Exemplo disso são os decretos 49113, 45490 e 48042. Se a empresa tem condições que impliquem em ceder redução de base, você terá que configurar esses campos.

Faturamento com Substituição Tributária: você vai precisar alimentar esses campos quando sua empresa é Substituta Tributária Ativa, ou seja, você cobra o ICMS-ST dos clientes.  Quando o cliente se enquadra para você cobrar substituição tributária dele, em vez de usar o CFOP e ST padrões o sistema vai pegar esses que você cadastrar aqui.

Faturamento com Substituição Tributária e Redução de Base: Idem ao item anterior quando, além do ICMS-ST  entrará no cálculo uma redução de base de ICMS.

Como cada campo a ser configurado está relacionado a tabelas, para consultar essas tabelas e capturar o código dos itens, você pode pressionar HOME , dar um duplo click, ou clicar nesses botões abaixo para fazer isso (isso é sempre padrão no sistema, em qualquer opção)

Depois de tudo cadastrado corretamente é só salvar e sair.

Tópicos Relacionados:

Cadastros, Tributações, Produtos em Linha

Cadastros, Tributações, Clientes em Linha

Cadastros, Tributações, Mensagens Padrão para NFes

Cadastros, Tributações, CFOP

Clientes (Control F10)
Produtos (Control F9)