Configuração de Nota Fiscal

Topo  Anterior  Próximo

Os conteúdos dos campos fiscais, como Cód. Tributação, CFOP, CST, CSOSN e outros, são variáveis conforme o regime da empresa, a operação fiscal e outros dados. Portanto, se você não sabe ou conhece a informação a ser cadastrada, consulte o departamento fiscal de seu escritório de contabilidade. Eles tem conhecimento de causa em questões fiscais e estarão aptos a indicar as informações corretas. O fato de o sistema aceitar determinados conteúdos não significa que eles estão corretos para cada situação.

 

 

Defina uma mensagem para o cabeçalho da nota fiscal. Usado em formulário contínuo, e é impressa na 1ª. Linha do formulário. Usado quando, p.ex., a empresa muda o endereço ou o fone e precisa colocar uma observação na NF. Ex.  Novo Fone (19) 9999-9999

 

 

Defina aqui mensagens que precisam ser impressas em todas as Notas Fiscais emitidas.

Ex. Mensagem de empresas do Simples Nacional, que precisam imprimir :

I- DOCUMENTO EMITIDO POR ME OU EPP OPTANTE PELO SIMPLES NACI

II- NÃO GERA DIREITO A CRÉDITO FISCAL DE IPI.

Exibe o número da última nota fiscal emitida. Em caso de clientes que já tenham emitido notas fiscais eletrônicas anteriormente através de outro sistema como, por exemplo, o sistema do governo, deverá ser definido o número da ultima nota emitida, para que o sistema inicie a emissão a partir do número subseqüente. Para clientes que estão começando a emitir notas fiscais eletrônicas, informar neste campo o número zero.

 

Exibe a data da ultima nota emitida. Essa data é uma proteção para que não sejam emitidas NFs com datas retroativas. Digite a data de hoje ou a data da última NF emitida.

 

Use “1” para emissão de nota fiscal eletrônica. Em caso de emissão de notas fiscais de formulários, entrar em contato com nosso suporte. O número no segundo campo será definido automaticamente, ao definir o número no primeiro campo.

 

Defina o modelo da nota fiscal. Para nota fiscal eletrônica, será usado o modelo “55”.

 

Defina a série da nota fiscal. Para nota fiscal eletrônica, definir a série “1”

 

 

Defina se a empresa é optante pelo simples nacional, EPP ou ME.

 

Defina se será calculada e cobrada substituição tributária, ou apenas demonstrada.

No caso de selecionar a demonstração, será impresso nos dados adicionais o imposto que se aplicaria.

 

Opção não mais utilizada. Deixar em branco.

 

Opção não mais utilizada. Deixar em branco.

 

Opção não mais utilizada. Deixar em branco.

 

Defina a porta de impressão da nota fiscal, para emissão de NF-e, escrever “NFE” neste campo.

 

Para caso de emissão de notas fiscais em formulários, defina a impressora a ser utilizada para a impressão das notas, selecionando uma das impressoras já instaladas em seu sistema. Para isso, clique no botão e selecione uma das impressoras listadas. Para emissão de NF-e, deixar em branco.

 

 

Ativa Cálculo de IPI na Venda – Selecionar esta opção para ativar o cálculo de IPI, é definido na classificação fiscal do produto. (mais informações ver neste manual Classificação Fiscal)

 

Formulário em Jogo Solto (S/N) – Para emissão de notas fiscais em formulário, marque está opção se você utilizar formulários em jogo solto.

 

CFOP 5.405 qdo. FF na NF (S/N) – No momento do faturamento, troca automaticamente o CFOP de 5.102 para 5.405 nos produtos que tiverem em seu cadastro a opção tributação definida com “FF” (mais informações ver neste manual “Cadastro de Produtos”).

 

Gradeia Produtos na NF (S/N) – Para quem utiliza a opção de grade no cadastro de produtos, marcando esta opção, ao faturar produtos da grade na nota fiscal, será faturado o pai da grade.

 

Separa Faturamento de Produtos e Serviços – Ao marcar esta opção, na emissão de notas fiscais a partir de outros pedidos (concentradora de cupons), o sistema irá excluir os produtos que estiverem com o campo tributação “ISS” e com a seção definida como seção de serviços (maiores informações ver neste manual Cadastro de Produtos e Cadastro de Seções).

 

 

Se a empresa se enquadrar em algum decreto, marque a opção correspondente.

 

Manter o padrão “0” (zero).

 

Defina o CFOP padrão, que será colocado automaticamente na hora do faturamento, para operações dentro do estado.

 

Defina o CFOP padrão, que será colocado automaticamente na hora do faturamento, para operações fora do estado.

 

Defina a alíquota de aproveitamento de crédito do simples nacional, oferecido às empresas do lucro real ou presumido. Para que o crédito seja destacado na Nota Fiscal, além de você cadastrar a alíquota aqui, é necessário que:

 

O produto seja tributado, ou seja, o CSOSN não pode ser 300, 400 ou 500

 

O Cliente para o qual se fatura seja pessoa jurídica

 

O Cliente Não seja Optante pelo Simples Nacional

 

O Cliente Não seja Consumidor Final do produto em questão (o utilize em seu processo produtivo e/ou para revenda)

 

Esses campos relativos a clientes, você pode ver em Cadastro de Clientes e em Cadastros, Tributações, Clientes em Linha

 

Usado em Formulário Contínuo. Define se imprime seu endereço na nota fiscal, ou apenas CNPJ/IE, ou nada. Defina de acordo com seu formulário pré-impresso.

 

Defina a organização dos produtos na nota fiscal.

Natural – imprime na ordem de digitação dos produtos;

Alfabética – imprime em ordem alfabética

Alíquota + Nome – Imprime primeiramente por ordem de alíquota, e dentro de cada alíquota, organiza alfabeticamente.

Endereço Físico – Imprime por ordem de endereço físico.

Código – Imprime por ordem de código interno.

Cód. Fabricante – Imprime por ordem de código de fabricante.

Seção + Nome – Imprime primeiramente por ordem de seção, e dentro de cada seção, organiza alfabeticamente.

 

Defina se deseja imprimir o código interno do produto, ou o código do fabricante.

 

 

PIS% - Defina a alíquota do PIS.

COFINS% - Defina a alíquota do COFINS.

PIS/COFINS deduz valor duplicata – Marque para deduzir o valor do PIS e COFINS do valor da duplicata.

 

Soma IPI B. Calc Se você está faturando no Decreto 45.490 e precisa que o IPI seja somado na Base de Cálculo própria, selecione Sim, se precisa que some na Base Própria e na Base ST, selecione ST, senão selecione Não, que é o padrão.

 

Aba

 

Defina o certificado digital a ser utilizado para emissão de NF-e, para tanto clique em e selecione o certificado instalado na lista que será exibida.

 

Defina o e-mail que aparecerá como remetente ao enviar e-mails das NF-e emitidas.

 

Defina a porta do smtp que seu servidor de e-mail está habilitado a utilizar.

 

Mantenha a opção “Padrão” selecionada.

 

Informe os dados do seu servidor de e-mail. Para mais informações acerca destes dados, entre em contato com a empresa que desenvolveu seu site.

 

Servidor de SMTP – Defina o SMTP do seu servidor de e-mail.

Usuário – Defina o usuário de acesso ao servidor de e-mail (conta de e-mail).

Assunto – Defina o assunto padrão para os e-mails de NF-e enviados (por exemplo: “NF-e Emitida”)

Senha – defina a senha da conta de e-mail informada no campo “Usuário”.

 

Aba

 

Defina a orientação do DANFE, retrato ou paisagem.

Manter o padrão “Normal on-line”.

 

 

Defina 0 ou 1 para o padrão e 2 se você quer que o sistema envie um arquivo .PDF da NFe, além do arquivo XML. Isso valerá para todas as NFes.

 

Defina se o canhoto será impresso no topo ou no rodapé da nota fiscal.

 

Selecione um logo para ser impresso na NF-e. Para isso, clique em e selecione uma imagem do arquivo (de preferência para imagens no formato “bitmap”). O logo será impresso na parte superior esquerda da NF-e, ao lado dos dados do emitente. Verifique se o seu arquivo PDF não fica de tamanho muito grande em função do logo que você selecionou, senão você poderá ter problemas ao enviar e-mail. Entre em contato com o Help Desk caso seja necessário.

 

Selecione uma marca d’água para ser impresso na NF-e. Para isso, clique em e selecione uma imagem do arquivo (de preferência para imagens no formato “bitmap”). A marca d’água será impressa no centro da NF-e.

 

Aba

Defina se você irá utilizar a descrição da classificação fiscal, definida no cadastro do produto.

Não usa – Não utiliza a descrição da classificação fiscal.

Após o nome – imprime a descrição da classificação fiscal após a descrição do produto.

Substitui o nome – imprime a descrição da classificação fiscal no lugar da descrição do produto.

 

Aba

 

Você pode utilizar estas quatro linhas para personalizar mensagens para os e-mails de notas fiscais emitidas.

 

Aba

 

Defina o ambiente de destino de emissão de NF-e.

Homologação – Ambiente de testes. As notas fiscais emitidas não terão valor fiscal.

Produção – Ambiente de produção. As notas fiscais emitidas neste ambiente terão valor fiscal.

 

Se você tiver um Proxy, preencha os campos de acordo, para que o sistema possa ter acesso ao WebService da fazenda para emissão de NF-e.

 

A aba está em desenvolvimento, não é necessário a utilização ou alimentação das informações contidas nesta aba.